26 outubro 2016

Poesia de Cena - Oficina de Poesia Falada


Poesia de Cena
Oficina de Poesia Falada

A Palavra na Voz
Exercícios de leitura para compreensão, interpretação 
e execução da fala.

A Palavra no Corpo
Exercícios  com movimento, equilíbrio e expressão, experimentando a respiração,
concentração  e o auto-entendimento  corporal.

Textos Poéticos

Jura secreta 10

fosse o que eu quisesse
apenas um beijo roubado em tua boca
dentro do poema nada cabe
nem o que sei nem o   que não se sabe
se soubesse o que estava escrito
estava cravado em nós
como cicatriz no corte
entre uma palavra e outra
do que não dissesse


 PoÉtika

                              dadete dadética dadaísta
                              malabarista da palavra implícita
                              na loucura explícita
                              de não ser didático



travessia

de Almada
vou atravessar o Tejo
barco à vela
Portugal afora
em Lisboa
vou compor um fado
e cantar no Porto
feito um blues rasgado
de amor pela senhora
que me espera em paz

e todo vinho
que eu beber agora
será como beijo
que eu guardei inteiro
como um marinheiro
que retorna ao cais


Bolero Blue

beber desse conhac em tua boca
para matar a febre nas entranhas
entre dentes
indecente é a forma que te como
bebo ou calo
e se não falo na quando quero
na balada ou no bolero
não é por falta de desejo
é que a fome desse beijo
furta qualquer outra palavra presa
como caça indefesa
dentro da carne que não sai

Mostra Cine Vídeo Poesia 
https://www.facebook.com/events/1187544751284286/


Artur Gomes
poeta.ator.vídeo maker.diretor de teatro
FULINAÍMA MultiProjetos
portalfulinaima@gmail.com
(22)99815-1266 - Whatsapp - (22)98141-4991
www.fulinaimicas.blogspot.com



Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails